Benefícios da Pipoca

0
Foto por Keegan Evans em Pexels.com

Chegou a hora da gente acrescentar pipoca ao cardápio! Não só porque é deliciosa, mas também por trazer alguns benefícios à nossa saúde. É verdade! Pipoca não é só um gostoso lanche consumido durante as sessões de cinema. Ela é um alimento cheio de virtudes:

1 – Tem elevada quantidade de fibras. Ou seja, permite o funcionamento regular do intestino.

2 – Contém grande quantidade de oxidantes – chega a ser o dobro da de frutas. Isso permite a prevenção de doenças degenerativas, como câncer e diabetes.

3 – Desacelera o envelhecimento, pois tem antioxidantes que combatem os radicais livres que provocam a velhice.

4 – Em quantidade moderada, pode contribuir para a perda de peso.

Esta é uma ótima notícia, não é mesmo? Então, por que esperar uma sessão de cinema para aproveitar as maravilhas que a pipoca pode fornecer?

É só ter atenção para consumir moderadamente e assim, curtir o estouro de sabor e vantagens que o lanche oferece.

1 xícara de pipoca estourada equivale a meio pão francês ou uma fatia de pão de fôrma.

Mas fique atento! Consumir pipocas de micro-ondas ou aquelas vendidas no cinema não é uma boa ideia. Pipoca boa de verdade – saudável – é aquela feita na panela de casa, com pouco óleo e com sal e manteiga de forma moderada. E de milho não transgênico, que geralmente é encontrado em lojas de alimentos saudáveis.

Por: O Segredo

Você pode ser o antidepressivo de alguém

0
blank

Não é sobre usar ou não medicamentos, mas sobre lugares da vida em que substâncias químicas jamais serão suficientes.

Não sei bem como são os medicamentos antidepressivos e aqui não estou falando contra, nem recomendando que alguém interrompa a medicação receitada pelo psiquiatra. Não é sobre usar ou não medicamentos, mas sobre lugares da vida em que substâncias químicas jamais serão suficientes.

Eu gostaria de algo pra tomar e pronto, todas as minhas questões fossem resolvidas. Gostaria muito de ser uma pessoa bem resolvida, eu sou como você. Cheio de problemas feito livro de aritmética e de dúvidas feito barrar de pesquisar do Google.

Você já leu a bula de um Prozac? Elas não ensinam nada sobre caso a gente ter alma sensível às coisas mais bobas da vida, desconsideram veementes o sentimento de quando surge a vontade de engolir as nuvens do céu. O Prozac não vai me dizer se devo insistir ou desistir de algumas amizades, nem me explicar qual é a relação amorosa mais apropriada.

Para viver além da medicação é preciso deitar no chão. Tirar os sapatos, cantar mesmo sem dom suas músicas favoritas, desenhar essa realidade paralela de quem não tem dom de representar fielmente os objetos. Fazer de conta ser qualquer coisa.

Você também necessitará ter dois dois olhos capazes de chorar com ou sem motivo. Tudo bem se borrar a maquiagem que acabara de preparar ou sua cara inchar como um panda alucinado. Tudo bem mesmo! Pandas são até desenhos animados que salvam seus amigos lutando karatê, parecer um panda é melhor que engolir o choro e viver entalado de tristeza.

Chame seus amigos e vá pra algum lugar. Se eles não quiserem ir, se você acha já ter irritado tanto o mundo que agora está sozinho, tudo bem, tudo bem também. Aproveite-se. Escolha o seu lugar. Talvez dê pra dançar. Talvez seja o momento de viajar. Com certeza há milhares de “talvez” para achar conversando consigo mesmo. Falar sozinho não existe se você está acompanhado de si.

Eu sei, você esquecerá estas palavras nas horas de agonia, eu mesmo esqueço, tudo bem. Também, se precisar tomar algo além do receitado pelo médico , por favor, tome algumas horas deixando doer. Não há nada de errado em sentir um dia ficar mais pesado e entortar os ombros. Se é o fim? É sim. Mas também é sempre o recomeço, todo dia, passo a passo.

Para viver com menos comprimidos é preciso aceitar determinadas doses de loucura. Nem tudo em você é mesmo uma coisa normal, mas como ser normal é fruto de comparações com outras pessoas, mais uma vez, tudo okay. Você pode ser o louco delas assim como muitas vezes elas são as loucas para ti.

E se puder, quando puder, a hora que puder. Estenda as suas mãos, saia um pouco do seu mundo e suas estrelas, tente tocar em outra pessoa com suas galáxias todas. Os seus ouvidos podem ser o barquinho que ajudará um marinheiro que caiu do naufrágio a chegar em terra firme. O “tudo bem, eu te entendo” sincero e empático pode se transformar numa bússola a mostrar uma nova rota. É só se deixar ser.

Seus braços têm a capacidade de enrolar um corpo dando a poderosa substância mística e ao mesmo tempo científica, denominada aqui de abraçaço. Não é o abraço comum de dois empresários que fecharam um negócio lucrativo. Mas o abraçaço de uma criança que encontrou outra criança há dois minutos atrás, e já quer que ela seja uma criatura espalhafatosa de tão feliz.

Você pode achar e relutar que não, você não. Mas há alguém por aí com uma receita psiquiátrica imaginária com seu nome. Recomendando que sejam utilizadas várias doses da sua companhia e do seu afeto. Pode ser alguém de perto, de longe, de mais ou menos perto e longe. É alguém que mais cedo ou mais tarde aparece, muitas vezes sem saber o porquê, precisando de uma cápsula da sua presença.

Mesmo que nunca diga explicitamente, quem sabe um sorriso de alívio, um aperto no dedo mindinho, algo nele dirá; – Você é o antidepressivo que eu tomei sem receita.

A mágica é que nessa hora, essa pessoa será seu antidepressivo também, e vocês parecerão duas belas caixas sorridentes de medicação sem bula e sem contra-indicações.

Fonte: A Soma de Todos Afetos, por Alan Lima

Tomar cafeína melhora o rendimento na academia

0
blank

Tomar cafeína antes do treino melhora o rendimento porque tem efeito estimulante no cérebro, aumentando a disposição e a dedicação para treinar. Além disso, ela aumenta a força muscular e a queima de gordura, e diminui a fadiga no pós treino, que é a sensação de cansaço e exaustão muscular depois da prática de atividade física.

Assim, a cafeína ajuda tanto no treino aeróbico quanto no anaeróbico, além de poder trazer benefícios também quando consumido após o treino, pois facilita o transporte de glicose do sangue para os músculos, o que ajuda na recuperação muscular.

O valor máximo recomendado deste suplemento é de cerca de 6 mg por quilo de peso, que equivale a cerca de 400mg ou 4 xícaras de café forte. Seu uso deve ser feito com moderação, pois pode causar dependência e alguns efeitos colaterais, como irritação e insônia.

cafe-melhora-o-rendimento-no-treino_12864_l

Benefícios da cafeína para o treino

Os benefícios de tomar café antes do treino são:

  • Melhora a atenção e a concentração, pois age como um estimulante cerebral;
  • Aumenta a agilidade e a disposição, por diminuir a sensação de fadiga;
  • Aumenta a força, a contração muscular e a resistência;
  • Melhora a respiração, por estimular a dilatação das vias respiratórias;
  • Facilita a queima de gordura nos músculos;
  • Emagrece, pois tem efeito termogênico, que acelera o metabolismo e a queima de gordura, além de diminuir o apetite.

O efeito do aumento da queima de gordura do café favorece a perda de peso e o aumento da massa muscular, assim como melhora a sensação de fadiga no músculo depois da atividade física.

Cafeína é melhor antes ou depois do treino?

A cafeína deve, preferencialmente, ser consumida no pré-treino para melhorar o desempenho físico durante a atividade física tanto aeróbica quanto de hipertrofia. Como ela é absorvida rapidamente pelo trato gastrointestinal e atinge um pico de concentração no sangue em cerca de 15 a 45 minutos, o ideal é que seja consumida cerca de 30 minutos a 1 hora antes do treino.

Entretanto, também pode ser ingerida durante o dia, pois sua ação tem uma duração de 3 a 8 horas no organismo, chegando a ter efeitos por até 12 horas, o que varia de acordo com a fórmula de apresentação.

Já no pós-treino, a cafeína pode ser usada por atletas que buscam o ganho de massa muscular, pois ela ajuda no transporte de açúcares para dentro do músculo e na recuperação muscular para o próximo treino, mas o ideal é que seja conversado com o nutricionista para que avalie se esta opção é mais benéfica do que o uso pré-treino, em cada caso.

cafe-melhora-o-rendimento-no-treino_12863_l

Quantidade de cafeína recomendada

A quantidade de cafeína recomendada para um melhor desempenho durante o treino é de 2 a 6 mg por quilo de peso, mas seu uso deve ser iniciado com doses baixas e ir aumentando aos poucos, de acordo com a tolerância de cada pessoa.

A dose máxima para uma pessoa com 70 kg, por exemplo, equivale a 420mg ou 4-5 cafés torrados, e ultrapassar esta dose é perigoso, pois pode provocar efeitos colaterais graves, como agitação, palpitação e tontura. Saiba mais em café e bebidas com cafeína podem causar overdose.

A cafeína também está presente em outros alimentos, como refrigerantes e chocolates. Confira na tabela a seguir a quantidade de cafeína em alguns alimentos:

Produto Quantidade de cafeína (mg)
Café torrado (150 ml) 85
Café instantâneo (150 ml) 60
Café descafeinado (150 ml) 3
Chá feito com folhas (150 ml) 30
Chá instantâneo (150 ml) 20
Chocolate ao leite (29 g) 6
Chocolate amargo (29 g) 20
Achocolatado (180 ml) 4
Refrigerantes Cola (180 ml) 18

A cafeína também pode ser consumida na forma de suplementos, como cápsulas ou na forma de cafeína anidra, ou metilxantina, que é a sua forma purificada em pó, que é mais concentrada e pode ter efeitos mais potentes. Estes suplementos podem ser comprados em farmácias de manipulação ou de produtos para esportes. Veja onde comprar e como utilizar a cafeína em cápsulas.

Além da cafeína, as bebidas energéticas caseiras também são uma ótima opção para melhorar o rendimento do treino, dando mais energia para treinar. Veja como preparar uma deliciosa bebida energética com mel e limão para beber durante o treino, vendo esse vídeo da nossa nutricionista:

Quem não deve consumir cafeína

O uso da cafeína ou café em excesso não é recomendado para crianças, grávidas, mulheres que amamentam, e para pessoas com pressão alta, arritmia, doenças do coração ou úlceras no estômago.

Também deve ser evitado por pessoas que sofrem de insônia, ansiedade, enxaqueca, zumbido e labirintite, pois pode piorar os sintomas.

Além disso, pessoas que usam antidepressivos do tipo IMAO, como Fenelzina, Pargilina, Seleginina e Tranilcipromina, por exemplo, devem evitar doses altas de cafeína, pois pode haver uma associação de efeitos que causam pressão alta e batimentos cardíacos acelerados.

Por Tua Saude

A neurociência recomenda ir à praia regularmente

0
blank

Especialistas dizem que é muito importante passar o tempo ao ar livre porque nos ajuda tanto fisicamente quanto mentalmente, há muitos benefícios de passar o tempo na praia que a ciência acaba de revelar.

Segundo os cientistas, essa sensação incrível de paz e tranquilidade que você sente na praia é conhecida como “espaço azul” ou “mente azul”. Eles chamam de efeito da combinação de cheiros suaves e sons de água que você tem em seu cérebro.

As pessoas que vivem no litoral relataram melhor saúde física e mental do que as pessoas que não moram lá. O estudo afirma que as pessoas que vivem com uma visão do oceano sentem-se mais calmas do que as que não vivem.

Segundo a ciência, quando você está na praia, há uma mudança na forma como o cérebro reage a esse ambiente, para que você possa ser mais feliz, relaxado e revitalizado.

Mas você sabe como o espaço azul afeta?

1. A praia ajuda a aumentar sua criatividade

Quando você se sentir exausto e preso pela rotina, visitar a praia pode ser uma ótima solução. O espaço azul pode ajudar a limpar a mente e abordar os problemas e projetos em que estamos presos. Como a meditação, a praia pode ajudar a provocar aquela sensação de calma que nos ajuda a refletir e a nos concentrar no que devemos.

2. Em geral, passar o tempo na praia mudará sua visão sobre a vida

Você não precisa ser um especialista para saber que a natureza nos ajuda a levar uma vida mais feliz e saudável, graças ao que é produzido nos arredores, além de que dizem por aí que a praia é muito boa para curar a alma.

3. Visitar a praia reduz o estresse

Dizem que a água é a cura da natureza para curar os fatores estressantes da vida. A água está cheia de íons positivos naturais que têm a capacidade de nos fazer sentir melhor. Simplesmente imergindo-se na água, você pode sentir uma sensação de relaxamento.

4. Visitar a praia ajuda a reduzir sentimentos de depressão

Segundo os cientistas, o mar tem o efeito de nos ajudar a aliviar os sentimentos de depressão. O som hipnótico produzido pelas ondas e os odores do mar criam um espaço meditativo. Isso ajuda a limpar a mente e refletir sobre a vida em um espaço seguro, longe do caos e dos problemas.

Fonte: Nation, via Curiosidades da Terra e Papo Reto

A batata-doce combate gastrite, refluxo, azia e úlcera

0
blank

Você com certeza conhece alguém que sofre sérios problemas estomacais no seu dia a dia. São problemas como úlceras, gastrites e refluxos.

A batata-doce, pode ser a chave para o fim da gastrite, refluxo, azia, e até mesmo úlceras!

E tudo de uma maneira muito fácil!

A batata-doce junto com 600 ml de água filtrada são capazes de curar estes distúrbios.

Modo de preparação

1-Comece descascando a batata, coloque-a com um pouco de água numa tigela: desse jeito a batata não vai escurecer.

2-Depois, coloque a batata e os 600 ml de água num liquidificador e com um pano, coe a mistura. A parte escura vai corresponder ao líquida, já a parte branca é o polvilho.

3-Jogue a parte liquida fora, e fique apenas com o polvilho.

4-Ponha o polvilho em um lugar seco.

5-Assim que secar, dissolva uma colher do polvilho de batata-doce em 200 ml de água e mexa bastante.

Agora é só beber!

Mas lembre-se de tomar um copo em jejum, um antes do almoço e outro antes de jantar.

O resultado não vai demorar, e vai eliminar alguns problemas estomacais, como os que já foram citados.

Assista ao vídeo ensinando a fazer o polvilho da Batata Doce:

* Nota: As informações e sugestões contidas neste artigo têm caráter meramente informativo. Elas não substituem o aconselhamento e acompanhamentos de médicos, nutricionistas, psicólogos, profissionais de educação física e outros especialistas.

Informações: Curas Naturais, via Saber Viver Mais

Hortelã: A melhor forma de recuperar a cartilagem dos joelhos e quadril

0
blank

Ninguém merece sofrer com dores nos ossos e articulações… Não importa a idade que tenha, esse tipo de problema é sempre insuportável. Quem precisa se movimentar muito durante o dia todo acaba sofrendo mais, como é o caso de atletas e profissionais que trabalham em pé ou carregando peso.

A dor pode ser tão intensa que é necessário parar por alguns instantes. E se tem uma parte que é muito delicada, é a região do joelho. Essa área suporta todo o peso do corpo e, quando está machucada, nos impede de fazer atividades simples, como correr, saltar, agachar ou até mesmo caminhar.

Outra região bem problemática é o quadril. O ideal, nesses casos, é procurar um médico para ele prescrever o tratamento adequado. No entanto, se você não pode ir imediatamente e quer um tratamento caseiro e natural, veja a receita que trouxemos.

Ingredientes:
1 colher (sopa) de hortelã seca,
1 colher (sopa) de alecrim seco,
1 colher (sopa) de tomilho seco,
1 colher (sopa) de sálvia seca,
1 litro de água.

Preparo:
Coloque a água para ferver numa panela e depois adicione as ervas. Feito isso, ferva por mais cinco minutos. Apague o fogo e deixe descansar por 15 minutos. Adicione mel se desejar, a fim de adoçar o sabor. Armazene a bebida na geladeira para armazenar por mais tempo.

Beba duas xícaras por dia. A primeira xícara deve ser consumida ainda em jejum. A segunda deve ser bebida antes de dormir. Siga a rotina por três semanas. Você notará que os joelhos se fortalecerão e deixarão de doer. E nem seus ossos nem seu quadril vão doer como antes.

Obs: Este site fala de tratamentos naturais alternativos. Portanto, Não substitui um especialista. Visite o seu médico regularmente.

Fonte: Mania de viver bem

Uso de caldos prontos nas refeições pode causar gastrite e outros problemas

0
blank

O uso de caldos prontos, encontrados em pequenos sachês ou tabletes nos supermercados, é comum na mesa dos brasileiros. Muitas pessoas acreditam que o produto é inofensivo para a saúde e indispensável na hora de preparar arroz, feijão, carnes, tortas e sopas. Mas será mesmo que vale a pena?

Caldos industrializados

Faz mal para a saúde consumir caldo pronto?

Em excesso, sim. É claro que, vez ou outra, consumir alimentos que contenham esse tipo de produto não vai causar um grande estrago. “Porém, muitos brasileiros ainda mantêm o hábito de adicioná-lo todos os dias no preparo da comida”, afirma Marcela Rossini Montenegro, nutricionista da Estima Nutrição.

“Além do excesso de sal e de sódio, esses produtos têm muita gordura, açúcar, aromatizantes e conservantes artificiais, como o glutamato monosódico.” Assim, uma das consequências é o ganho de peso.

Pelo potencial inflamatório das substâncias dos caldos prontos no organismo, há também o comprometimento do sistema imunológico. “Dessa forma, a chance de outras doenças aparecerem é maior”, conclui a nutricionista.

O caldo pronto, assim como outros alimentos industrializados, pode ser irritativo da mucosa estomacal e, assim, favorecer crises de gastrite.

Problemas de palatabilidade também podem surgir no decorrer dos anos, por conta dos tóxicos nas papilas gustativas. E, se o indivíduo ainda mantém outros hábitos nocivos, como sedentarismo e tabagismo, o quadro é mais crítico.

Pesquisa mostra que chá de folhas de goiaba e pitanga reduz em 45% o tempo de cicatrização

0
blank

Uma pesquisa realizada em Valinhos (SP) apontou que o uso do chá de folhas de goiaba e pitanga reduz em 45% o tempo de cicatrização de feridas. O produto fitoterápico é aplicado há um ano em pacientes atentidos pelo Serviço Especializado em Lesões Vasculares (Selven), do Sistema Único de Saúde (SUS), o período de tratamento caiu de 90 para 50 dias, em média.

A farmacêutica e pesquisadora Nilsa Sumie Yamashita Wadt iniciou os estudos com as folhas há dez anos e, desde 2016, realiza a pesquisa com pacientes na rede pública de saúde de Valinhos.

“São dois compostos principais nas folhas dessas plantas [goiaba e pitanga]. Os taninos, que servem como cicatrizantes e têm uma ação microbiana muito efetiva, e os flavonoides, que são anti-inflamatórios naturais”, explicou Nilsa.

Professora da Universidade Paulista (Unip), Nilsa destaca que a proposta é que os pacientes façam uso do chá em casa, em comunhão com o tratamento convencional.

De acordo com a pesquisadora, o chá deve ser feito com 10 folhas para cada litro de água. “Ferve durante dois minutos, desliga e deixa o chá esfriar. Daí o paciente faz o banho, direto ou sobre uma gaze, durante 30 minutos.”

“Os pacientes têm tido uma boa aceitação, pois estão vendo que as feridas estão fechando com uma certa rapidez”, explicou a enfermeira Fernanda Cavalini.

G1

7 informações que os amantes de café devem saber

0
blank

Dizem que o compositor Beethoven, um dos maiores gênios da história da música, preparava café com 60 grãos todos os dias, e que o pensador Voltaire bebia diariamente 50 xícaras e viveu até os 83 anos. Com base nesses dados, será que o vício do café não é tão horrível quanto dizem alguns estudos?

Confira 7 benefícios no consumo do café:

Aumenta a atividade cerebral

Não é segredo que o café aumenta a atenção, melhora a concentração e acelera as reações. Mas apenas o café com açúcar é capaz de transformá-lo em um pequeno gênio por um tempo, porque a combinação de cafeína e glicose ativa as áreas desejadas do cérebro. Ok, se você quer evitar o açúcar, pode comer uma fruta ou um pedacinho de chocolate amargo junto. De qualquer forma, evite tomar café com o estômago vazio: nesse caso, a bebida acaba tendo um efeito totalmente oposto.

Aumenta a pressão sanguínea

Uma xícara de café ajuda na luta contra a pressão baixa. No entanto, não é recomendado para pessoas que sentem taquicardia depois de beber uma xícara. Para os hipertensos, o hábito de beber café não os prejudica, porque o organismo, ao longo do tempo, se adapta à bebida e deixa de reagir aumentando a pressão.

Fortalece a imunidade

Cientistas de vários países descobriram que beber café reduz o risco de morte prematura: quanto mais copos por dia você beber, menor o risco. O ideal são três xícaras. Isso ocorre porque o café muda o funcionamento do sistema imunológico, tornando-o mais ativo e saudável. Também fortalece o fígado, o coração e o trato gastrointestinal. Mas tente beber o café recém moído. O café solúvel tem menor quantidade de nutrientes saudáveis ​​e os aditivos químicos têm um efeito negativo no trato gastrointestinal.

Alivia a dor de cabeça

A cafeína contida no café natural é capaz de combater a dor de cabeça e a enxaqueca. Mas não pode substituir analgésicos.

Antistresse e antidepressivo

Você pode se livrar do estresse graças à produção de dopamina e serotonina, que provocam o estado de bom humor. Apenas uma xícara de café ou mesmo nada mais do que seu aroma irá ajudá-lo em uma situação estressante. E a cafeína é um dos estimulantes mais comuns do sistema nervoso central. É isso que não nos deixa cair em uma depressão. No entanto, esse efeito da cafeína só funciona com o café:a cafeína presente no chá, refrigerante ou chocolate não é capaz de estimular o sistema nervoso com a mesma intensidade.

Melhora a memória

Os mesmos estimuladores e neurotransmissores com os quais o café aumenta nosso humor e eficiência também melhoram nossa memória. Claro que isso não se aplica à memória de longo prazo. Mas essa já é uma boa notícia, porque inicialmente todas as informações são armazenadas diretamente na memória de curto prazo e apenas uma hora depois, nas circunstâncias perfeitas, nosso conhecimento “é gravado” na memória de longo prazo.

Faz perder peso

Seus sonhos se tornaram realidade, porque o café realmente pode ajudá-lo a manter e a reduzir de peso. O baixo nível de hormônio leptina no corpo faz com que armazene gordura, enquanto que a cafeína faz com que o nível desse hormônio aumente no corpo. Pelo mesmo motivo, os amantes do café não ganham peso tão rapidamente e o exercício para eles é mais eficiente.

Foi picado e não sabe por qual inseto? Veja as picadas mais comuns

0
blank
Em muitas ocasiões, confundimos as picadas de outros insetos com os dos mosquitos e não lhes damos importância, no entanto, é muito importante saber  o que te picou saber como tratar cada picada.
Apresentamos as 8 picadas mais comuns que devemos conhecer para tratá-las corretamente:
1. Picadas de mosquitos
blank
Essas picadas têm uma aparência de bolhas vermelhas. São subcutâneas e sua coceira é localizada. Essas picadas não requerem maior atenção, então, recomendamos que você espalhe creme sobre ele e faça uma massagem para evitar a coceira. Se a picada ocasionar efeitos colaterais como dor nas articulações, febre, glândulas inchadas, você deve consultar um médico. Pois isso pode significar que o mosquito estava infectado.
2. Picadas de pulgas:
blank
As picadas de pulgas geralmente ocorrem em grupos de três ou quatro e são caracterizadas por pequenas saliências vermelhas na pele, que geram uma coceira intensa.
As indicações a seguir são as seguintes: Lave a picada com água e sabão. Em seguida, aplique um pouco de creme ou pomada de calamina para reduzir a coceira. Evite coçar porque isso poderia ocasionar uma infecção no local.
3. Picadas de percevejos
blank
Os percevejos são muitas vezes um inseto muito traiçoeiro em termos de picadas; Pois cada pessoa reage de maneira diferente a elas. Algumas pessoas podem nem sequer notar a presença de percevejos, enquanto outros podem ser alérgicos e sofrer grandes erupções cutâneas intensas ou inclusive dor.
Se você é alérgico a percevejos, é bom ter cuidado, pois além de lesões cutâneas, pode ocorrer a formação de bolhas, inchaço, coceira e inflamações na pele;
Para lidar com percevejos, recomendamos cuidar da sua higiene, já que elas odeiam. Lave frequentemente a zona infectada com água e sabão. Mas se a coceira e os caroços permanecerem, você pode tomar algum anti-inflamatório ou anti-histamínico.
4. Picadas de aranha
blank
A maioria das picadas de aranha é inofensiva; com exceção daqueles da viúva negra ou da aranhas-marrom.
A forma de uma picada de aranha é de dois pontos mais conhecidos como Equimose. Estes pontos são a área onde a aranha mordeu.
Caso você seja mordido por uma aranha, recomendamos lavar a área afetada com água e sabão. Em seguida, aplique um pouco de gelo sobre a área.
5. Picadas de carrapato:
blank
Carrapatos são parasitas que vivem principalmente em cães e em outros animais. Sua picada é tão perigosa nas pessoas que podem ocasionar a transmissão de uma série de doenças graves. As mais comuns são a febre hemorrágica da Crimeia-Congo e a doença de Lyme.
Se você sofreu uma mordida de um carrapato, você deve removê-lo imediatamente usando pinças. Segure-o firmemente e puxe suavemente para removê-lo da pele. Evite usar remédios tradicionais. Depois de extraí-lo, lave bem a área afetada com água e sabão. Lembre-se de que os carrapatos transmitem o vírus às pessoas após 48 horas, por isso é recomendado agir imediatamente.
6. Mordida de formigas:
blank
As mordidas de formigas vermelhas ocorrem através da injeção de veneno na pele das pessoas. Isso faz com que nossa pele se irrite e inflame, além de causar coceira. Para evitar esses sintomas, recomendamos a aplicação de um creme cortisona na área afetada. É provável que as mordidas produzam bolhas; evite coça-las para não infectar ainda mais a área.
7. Picadas de escorpião:
blank
Com esses tipos de mordidas, três fatores importantes devem ser levados em consideração para conhecer seu nível de gravidade:
1. Tipo de escorpião, 2. Idade da pessoa (é mais perigoso em crianças) e 3. Quantidade de veneno no corpo.
Indicações para tratar estas mordidas são as seguintes: Retire raspando com uma navalha o ferrão do animal no corpo da pessoa. Evite usar pinças para removê-lo, porque se pressionado demais, o saco de veneno poderia explodir e o nível de veneno dentro do corpo aumentaria.
Uma vez retirado o ferrão, lave bem a área afetada com água e sabão. Em seguida, aplique gelo sobre a área por 10 minutos. Deixe repousar e volte a colocar o gelo.
 8. Picadas de vespas ou abelhas:
blank
Essas picadas costumam ser muito dolorosas porque o ferrão do animal fica preso em nossa pele. O que geralmente é perigoso nesses tipos de picadas é o fato de que as maiorias das pessoas são alérgicas ao seu veneno. Caso você seja alérgico, deverá ir ao médico imediatamente.
blank
O que você deve fazer com uma picada desse tipo é verificar se o ferrão ficou dentro da pele. Se for esse o caso, extraia com uma pinça. Você também pode espalhar vinagre branco na área ou lama para reduzir o inchaço.
Compartilhe com seus amigos e familiares essa informação, para que eles possam saber como agir contra as picadas desses insetos!
Fonte: Lavozdelmuro/ Etapainfantil