Açafrão

0
222
acafrao curcuma

Açafrão ou Cúrcuma

O assunto de hoje são os benefícios medicinais do açafrão. Mas antes é necessário explicar algumas diferenças entre os vários tipos de açafrão. O tema deste artigo é a planta conhecida cientificamente como Curcuma longa, que se assemelha ao gengibre. Outro tipo de açafrão é o Crocus sativus, também chamado de açafrão verdadeiro, flor de hércules ou açafrão oriental. Há também a Curcuma zedoaria, que, diferentemente da Curcuma longa, tem flores avermelhadas e é popularmente nomeada de falso açafrão.

Para evitar confusão, é importante enfatizar que estamos falando do açafrão tumérico, conhecido também como gengibre amarelo. Ele é originário da Índia e foi trazido para o Brasil pelos europeus. Entre os chineses e indianos, o açafrão é usado milenarmente com fins medicinais, mas aqui seu uso mais comum é o culinário.

Propriedades Medicinais

Várias pesquisas comprovam o que a medicina milenar oriental já afirma há muito tempo: ele traz vários benefícios para a nossa saúde. Para início de conversa, a planta funciona como um antibiótico natural, ou seja, é capaz de combater diferentes doenças causadas por bactérias. Também protege o fígado, estimula a produção de enzimas hepáticas e tem mostrado efeitos positivos na redução de cálculos biliares.

A curcumina, substância encontrada nela, é foco de muitos estudos científicos. Ela pode prevenir o aparecimento de diversos tipos de tumores, controla os níveis de colesterol e triglicerídeos no sangue e melhora a digestão. Outros componentes dele também são fundamentais para o nosso organismo, como o caroteno, o ácido ascórbico (ou vitamina C), o sódio, o potássio, o ferro e o fósforo.

Usos e Contraindicações

A decocção da raiz pode ser aplicada diretamente sobre a pele como cicatrizante e anti-inflamatório. O extrato da planta também é indicado para doenças hepáticas e problemas digestivos. Na cozinha, é possível usar o curry, tempero indiano, de cor amarelada, que é preparado com o açafrão tumérico. Mas apesar de todos esses benefícios, não se pode abusar do consumo da planta, pois a ingestão em excesso pode interferir no sistema nervoso e causar abortos.

Fonte: http://natural.enternauta.com.br/beneficios/beneficios-do-acafrao/